É só carne? Dukan vs. Paleo/lchf

Olá crianças! Muitas vezes eu escutei que a “dieta” que eu estava fazendo era a Dukan, então resolvi fazer um post para delimitar as diferenças mais básicas entre elas, assim você vai poder entender tudo direitinho e ver qual lhe convém melhor! Expliquei de uma maneira bem simples, de modo que fique mais fácil entender!

Dukan:

Hm, ok, vamos ver!

Hm, ok, vamos ver!

 

A dieta Dukan parte do pressuposto de utilizar as proteínas magras como nossa maior fonte de energia, excluindo fontes de gordura. É dividida entre 4 fases: ataque, cruzeiro, consolidação e estabilização definitiva.

Certo, para todas as fases do método são recomendadas as seguintes diretrizes:

Alimentos e itens não permitidos:

  • Azeite, gordura animal e vegetal, sal, gema de ovo e as porcarias de sempre (chocolate, doces, pans)

Recomendações:

  • Consumir farelo de aveia diariamente para o funcionamento intestinal, medir de acordo com a fase que você está: 1,5 col de sopa na fase de ataque, 2  col de sopa na fase de cruzeiro e 3 col de sopa na fase de consolidação e na fase de estabilização definitiva.1,5L de água por dia, mascar chicletes sem açúcar, beber refrigerante diet caso dê vontade de doce, nada de alcoólicos e caminhadas diárias de pelo menos 30 minutos.
eike delícia. -sqn

eike delícia. -sqn

Pra ida no banheiro ficar dahora... será?

Pra ida no banheiro ficar dahora… será?

Fase1: Ataque

Por um período que vai de 1 a 10 dias, apenas proteínas puras. Carnes magras diversas, aves, miúdos, peixes, frutos do mar, proteínas vegetais, presunto magro, peito de peru light, clara de ovo, laticínios desnatados como requeijões, iogurtes, queijo minas (0% gordura), café, chá, infusões, mostarda e só.

Não permitido: carnes de porco, queijos gordos, patos, gansos, frios gordos (salaminho, presunto Parma, copa, etc).

Fase 2: Cruzeiro

Acontece até você alcançar o peso desejado. Nada mais é do que um rodízio de 2 dietas: a dieta da proteína pura da fase de ataque + a famosa dieta do grelhado com saladinha. Alterne por exemplo 5 dias de PP (proteína pura) com 5 dias de PL (proteína com legumes). Os legumes e vegetais podem ser consumidos cozidos ou crus. Beterraba e cenoura só entram em uma refeição do dia.

Fase 3: Consolidação

Esta fase dura 10 dias para cada quilo eliminado. 5 kg, 50 dias e vai assim por diante!

O que fazer:

Toda 5ª feira, DAQUI ATÉ O FIM DA SUA VIDA, você deve consumir apenas proteínas. Em outras palavras: toda 5ª feira será um dia de ataque.

Hoje é dia de ataque, bebê!

Hoje é dia de ataque, bebê!

Quem está nesta fase tem direito a: 1 fruta por dia (não vale banana, uva e cereja), 2 fatias de pão integral por dia, 40g de queijo gordo, 2 porções de massa/amido por semana, 1 porção de carne de porco por semana, 2 refeições de gala por semana (com entrada, prato principal, sobremesa e a cachaça que preferir)

Fase 4: Estabilização definitiva

Nesta fase você pode voltar a uma “rotina normal” (não sei bem o que é isso haha) de alimentação, preservando, até o fim da sua vida, a 5ª feira de ataque, só com proteína. Recomenda-se os exercícios diários e o equilíbrio, sempre pensando nas fases anteriores.

Ok, todo mundo entendeu, certo? Por enquanto vou me abster de julgar qualquer coisa, até porque tenho muitas adeptas da Dukan no meu instagram que obtiveram sucesso, e o sucesso e a saúde é o que contam.

Agora vamos para a Paleo/lchf, sim?

Eihn?

Eihn?

A dieta paleolítica não é dividida em fases, você é encorajado a assumir as diretrizes como um estilo de vida, baseado nos hábitos de nossos ancestrais. Tudo parte do pressuposto de que a gordura é nossa maior fonte de energia (que foi suprimida em tudo ao longo dos anos) e que os carboidratos são os verdadeiros vilões da história. (Caso você duvide, posso passar uma gama de artigos que provam isso, mas vamos deixar pra mais tarde) Um dia vou falar sobre pico de insulina e vocês vão entender melhor. Agora voltando…

Alimentos permitidos:

A grande chave para saber o que comer ou não é pensar como um homem das cavernas, se tinha lááá atrás, se vem da natureza, se já teve mãe, se veio de cima da terra ou das árvores, geralmente você pode comer. Lembrando que não tínhamos agricultura. Ok, e agora?

  • Carnes de todos os tipos e sabores e espécies que você puder pensar, desde boi, frangos, aves até veados e javalis, sim, pode comer a gordura e usá-la para cozinhar, fique a vonts (bacon e costela e presunto cru, OI). Os miúdos também liberados Peixes, todos, oleaginosos, melhor ainda, e frutos do mar também! Ovos inteiros de qualquer espécie, se você gostar, a gema não é problema!
oh yeah

oh yeah

  • Legumes e verduras a vontade, cuidado com a quantidade de carboidratos neles, ok? Como em batatas, mandioca, inhame, cará e alguns tipos de abóbora. Se você quer emagrecer, passe longe, juro que não vai morrer. Lembre-se de que feijões, soja e amendoim são leguminosas, não são permitidos.
  • Frutas: bom, é melhor escolher as frutas com menos açúcar, como morango, pitanga, mirtilo, amoras, framboesas… Se você quer emagrecer, fique longe de uma banana, que equivale em açúcar a 25 morangos! Utilize abacate e coco, boas fontes de gordura.
seus novos melhores amigos

seus novos melhores amigos

  • Gorduras: SIM!! Aqui você pode GO crazy e colocar azeite em tudo, creme de leite no café, manteiga na salada, vish, opções infinitas. Use ghee, óleo de coco, de abacate, de macadâmia, banha… Mas fique longe de gordura vegetal hidrogenada (óleo de soja e outros grãos, canola etc)
  • Nozes e castanhas, uma das melhores partes, mas vá com calma: macadâmia, amêndoas, semente de abóbora, nozes, noz pecã, avelã, castanha portuguesa, castanha do Pará, de caju (essa cuidadinho, tem muito carbo), tudo cru, ok? Pq a gordura delas oxida no processo de torrar e pode te fazer mal. Ah, nem vem que amendoim é um tipo de feijão. Ah (2), esquece a chia, ok?
sua nova pipoca

sua nova pipoca

O que não pode?

  • Grãos de todos os tipos: milho, trigo, arroz, aveia, centeio, quinoa (esta apenas para vegetarianos) e derivados: pão, macarrão, pizza… Açúcar refinado e seus derivados (com exceção do mel para quem não quer emagrecer), óleos vegetais (exceto azeite), alimentos zero, diet e light (seu bolso agradece), embutidos “do mal” como salsicha, mortadela e lingüiça com aditivos (procure pelo nitrato, nitrito, glicose, amido e JOGUE FORA). Adoçantes como aspartame estão vetados, procure sentir o sabor real das coisas. O sal não é condenado.

Entre a Paleo e a Low Carb high Fat.

Bom, a lchf difere da paleo por acrescentar alguns alimentos “modernos” que não possuem carboidratos ou tem índice glicêmico baixo, como manteiga, creme de leite, nata, queijos envelhecidos (parmesão, pecorino, grana padano, provolone), além de cacau em pó e um vinho ocasional, mas aí vai das preferências e objetivos de cada um!

Recomendações:

  • Beber o máximo de água possível por dia, permite-se chás e cafés. Exercícios físicos de curta duração e alta intensidade como sprints ou aulas de crossfit são encorajados. O óleo de coco pode ser usado pra substituir suplementação tipo whey e bcaa. Pode-se usar farinha de coco ou amêndoas em receitas, utilizando fermento e goma xantana normalmente. O importante é não se estressar, para manter o cortisol baixo, ande descalço heheh.

Agora para facilitar, fiz uma tabelinha com as principais diferenças, veja o que você acha!

Dukan Paleo/lchf
Azeite Não Sim
Gordura animal Não Sim
Farelo de aveia Sim, moderado Não
Alimentos sem gordura “zero” Sim Não
Nozes Moderado Sim
Coco e abacate ? pode? Sim
Frutas com moderação Sim Sim
Legumes e verduras Apenas em PL Sim
Ovo Apenas clara Sim
Cacau Tolerado Sim
Produtos diet/light Sim Não
Refrigerante sem açúcar Sim Não
Adoçantes Sim Naturais de preferência
Embutidos Apenas light Apenas sem conservantes


Considerações finais:

Bom gente, como eu faço a LCHF (gosto de queijo), obviamente defendo esse estilo de vida, mas não desprezo o método dukan. Sinceramente, eu acho que essa planilha de fases pode ser muito benéficas para pessoas que gostam de planejamento, mas para compulsivos e ansiosos que ainda não conseguem se controlar, vejo como um desafio muito frustrante. Não me imagino guardando um dia da semana apenas para proteínas para o resto da minha vida, mas enfim, se dá certo, quem sou eu para contestar! Hhehee Agora, o que me tirou da compulsão foi a lchf, já que a gordura sacia, e o corpo se auto regula, ou seja, nada de comer sem fome, nada de ansiedade ou ficar pensando na próxima refeição. É uma dieta muito calma! aliás, inclui churrascarias, hmmm

"tu és pra mim um chuchuu que colhi na vidaaaa"

“tu és pra mim um chuchuu que colhi na vidaaaa”

 

Enfim, espero que tenham gostado do post, gostaria de saber mais sobre vocês e seus métodos! Vamos lá que dieta é como religião, cada um com a sua.

fontes: https://www.dietadukan.com.br/

http://ultimatepaleoguide.com/paleo-diet-food-list/

Introdução a um novo caminho

Olá! Este foi um email padrão que eu criei para introduzir as pessoas nesse mundo mágico que é a dieta paleo/low carb high fat/primal/cetogênica e agora coloquei no blog!

Se você não concordar com o que eu escrever, eu entendo perfeitamente, mas por favor, não fique bravo ou revoltado, faz mal para sua saúde 😉

Eu no começo fiquei MUITO desconfiada, mas como sou curiosa por natureza e adoro mudanças de paradigma, resolvi tentar. Eu estava afundada na compulsão, cheia de dúvidas, de fraquezas, pensando num passado distante em que eu era 11kg mais magra, parecia que minha vida estava trancada. 11 anos de dieta: dukan, sopa, abacaxi, clara de ovo, dieta de maromba, dieta ayurveda, naturopatia, remédios, até uma crise de convulsão por causa deles.

Fiz meu instagram em junho e desde então venho oscilando entre a alegria e a tristeza. Quando a compulsão pegou firme, eu me achava uma fraude, tinha raiva da disciplina alheia, estava fraca, com fome, pensando em comida o tempo todo, endividada de ter comprado “whey” e farelo de aveia em sacas (risos), esperando os outros irem embora para eu comer escondido. Encontrando embalagens de bala, chocolate e barrinhas nos bolsos das calças que voltavam da lavanderia. Essa imagem me chocou. Eu cansei de acordar com azia, de ter dores abdominais regulares, eu já tinha cortado o glúten, a lactose, a gordura, o sódio, os peixes, o frango, a carne, as gemas, as batatas, o arroz, MEU DEUS O QUE SOBROU?! Restrição = ansiedade = compulsão.

Aí eu cansei mesmo. Criei o #eusemcompulsao e botei minha cara a tapa, e com isso tenho conseguido me livrar desse mal aos poucos ajudando muitas meninas que tem vergonha da doença, um dia de cada vez #énois. Aí eu recebi um email de um anjo dizendo “calma, a culpa não é sua”. Eu pensei “nossa que idiota, vou jogar fora”, ótimo, mas aí eu li o email e parecia bom demais para ser verdade, “não sentir fome escandalosa, comer carne, castanhas e queijo, comer gordura, comer legumes e frutas” Pera, é dukan? É Atkins? É south beach? É a mediterrânea? Socorro, o que é isso? Por isso fui atrás da tal da paleo/lchf. Nossa, que coisa! Não tão restrito quanto dukan e cheia de tudo que todo mundo diz que faz mal.

No email dizia “A SUA COMPULSÃO VAI ACABAR.”, bom como no fundo do poço só tem saída pra cima pensei “o que eu tenho a perder?”. Então eu pesquisei. MUITO, tipo uns 30 artigos, muitas referências, muitos estudos a favor, cardiologistas falando, até o Drauzio Varella dizendo que o problema não é a gordura (mas isso a Globo não mostra), e eu não consegui encontrar nenhuma associação da gordura com a saúde do coração, pelo contrário! A gordura é nossa fonte de energia! Certo, ai que medo! Mas e o zero? E o leite desnatado? E o meu pão integral? E a minha pipoca? Chia, não? Não. Pensei que eu não fosse agüentar. De jeito nenhum! Mas, como eu disse, sou tão curiosa que resolvi tentar. Encontrei uma lista de compra paleo/lchf no blog da Mari Milanezi e fiz umas anotações, nada muito drástico. Cheguei do trabalho, comprei macadâmia e me fiz dois ovos com óleo de coco e berinjela. No dia seguinte, sem fome até as 13h. Fui ao mercado, pedi pro açogueiro um baby beef e bacon (nossa, isso é um sonho?!), deu 6 reais (nossa, isso é um sonho? 2), cozinhei e me vi sentindo um prazer enorme naquilo, eu estava comendo com os olhos! No meio do bife eu não estava mais com fome. Passei a tarde no trabalho, comi um pedacinho de queijo e umas macadâmias, mais de tédio que de fome. A noite, comi presunto cru (sem nitrito e nitrato!!). Sem fome até as 10 do dia seguinte. Meu deus, que vida é essa? É a vida que nossos ancestrais prepararam para nós!

E não é que deu certo? No primeiro dia eu já senti as diferenças, em um dia já desinchei 1kg. Achei que fosse novidade, e descobri que tem muitos homens e mulheres TRINCADOS que fazem isso. Toda essa historia de batata doce, pão integral, barrinha de cereal, pó de proteína e o escambal… Talvez seja balela! Mas repito: SE SERVE PARA VOCÊ E VOCÊ ESTÁ CONFORTÁVEL, ótimo!!!!! Continue assim, esse é um relato MEU, ninguém é obrigado a fazer nada que eu disse/disser, ok? Nada de haters! Aqui é só alegria!

Está triste? Não fique, sua vida pode ter ficado infinitamente mais fácil, mais barata e mais prática! Os italianos são assim, compram as coisas frescas apenas quando vão comer, depois compram denovo. (lindo é uma verdura fresquinha, um legume hidratado, durinho, um pedaço de carne bem vermelho e fresco, ovos orgânicos… hum!! Não aquele negócio verde que mofa na geladeira). Assim eram os homens das cavernas, comiam e pronto, depois comem denovo, estocagem é uma coisa moderna (mas ok, use sua geladeira, risos).

Ah, não tenha medo de colesterol. Tudo o que te ensinaram sobre ele está errado! Coitadinho, é como culpar um bombeiro pelo incêndio só porque ele está lá. [isso é explicado no documentário que eu coloquei no final: ASSISTA] Se realmente a gordura fosse o problema, por que teríamos uma taxa tão enorme de obesidade/ diabete / resistência insulínica no mundo atual que está LOTADO de indústrias light e diet e dietas? Eu não fico triste de não ter conhecido essa vida antes, acho que tudo tem motivo!

Se você ficou curiosa/o, indico alguns links preferidos abaixo, uma pequena amostra do que você pode encontrar por aí! É um mundo secreto pronto para ser descoberto! Caso tenha dúvidas, estou aqui, é só perguntar! Eu não sou patrocinada da Friboi nem vou ganhar NADA com isso, só acho que poderia ser uma alternativa para o stress que experimentamos não nos amando, sentindo medo de dietas, medo de restaurantes, medo dos finais de semana. Eu não desejo isso para ninguém.

Eu gastei uns bons milhares [MILHARES, DIGAMOS VINTE (20) MIL REAIS] de reais esse ano com terapia, nutricionistas, academia, equipamentos e roupas fitness, e é claro: me preparando drásticamente para dietas:

  • É maromba? Dá-lhe estoque de suplemento e frango com batata doce.
  • É dukan? Dá-lhe farelo e cottage (caríssimo!).
  • É natural? Dá-lhe chia, maca, goji, tapioca, chocolate zero e tudo mais.

No fim? Eu tinha compulsão e tudo ia pelo ralo, pq eu entrava nas lojas americanas e comprava uns 7 pacotes de Bono, pringles, recheadinho, bisnaguinha… De que adianta?

Ai, cansei, cansei de AEJ, de “ai, jaquei”, de “nossa, como eu queria comer sem engordar”, de “suco detox”, dia detox, sopa detox. Meu deus quanto detox! Achei que era hora de encontrar um novo caminho PARA MIM. Cansei de culpar a minha família/namorado/amigos pelas minhas fraudes.

DENOVO, se você é adepta de algumas dessas dietas que eu disse ter feito, NÃO PRECISA SAIR DELA, se você está feliz, CONTINUE FELIZ! Eu só estou dando uma alternativa para quem ainda não achou o próprio caminho e está triste.

Existem diferenças entre a paleo e a low carb high fat, como o queijo, amendoim, cacau e frutas… As opiniões divergem, mas acho que cada um fica com o que melhor lhe cabe e acho que você pode descobrir mais por experiência própria.

Vamos lá? Organizei os que eu mais gosto mas você não precisa e nem deve parar por aqui! O mundo está CHEIO de informação, eu só juntei uns links 😉

  • Indico que comece neste documentário, onde é mostrado o segredo de a pirâmide alimentar ter sido criada por uma pesquisa cujos dados foram omitidos para demonizar a gordura e ajudar os carboidratos, que idéia magnífica. (isso pq o medico que realizou a pesquisa era relacionado com uma fazenda de trigo e cheio de relações política$$$$) 
  • Nossa, e agora? O que eu faço? O que eu como?? Visite o blog da Mari, ela vai ajudar!

  • Ah, mas eu quero ganhar massa, não dá sem carboidrato! Certo, leia esse, depois conversamos.

  • Ok, então agora é só correr 3h na esteira? Se você gosta, tudo bem! Mas precisar, não precisa… Curta a sua vida, economize tempo e leia este!

  • Nossa, que incrível, vou arregaçar e comer todas as frutas e legumes no café da manhã! Calma, capitão! E se você não fizer isso?

  • Você está LOUCA? Eu vou ficar sem comer?! Não! Mas se quiser perder peso e se libertar da sensação de “obrigação de comer”, leia este! (eu não faço, mas a idéia pode servir para alguma coisa, tem um bom embasamento sobre hormônios)

  • Ok, agora soja, amendoim, feijão não pode? O que pode?  Hum, é so consultar no google! Tem até um app Android e Apple chamado “Is it Paleo?” grátis!

  • Quero encontrar outros paleo! Tem algum fórum de receitas? Tem! Um monteeee! Tem grupo no facebook também, no instagram tem as hashtags #paleo #lchf, vish, divirta-se! De depoimentos antes e depois o mundo também está CHEIO! Delícia! Adoro transformações. Hahah

  • Aqui um fórum divertido

Neste site acima vc pode fazer grátis o download do livro “Paleo for begginers” em inglês! E se quiser algo mais físico, o livro “Barriga de trigo”, do autor William Davis é uma boa referência. Eu não li, a Mari leu. Hehehe Tem nas saraivas da vida! Alguém me dá um de presente? hahah

É isso! PRE PA RA! Coma bem, coma bacon (ou não!), seja feliz!

Muitos abraços confortáveis,

Ana Paula Rizzo @magradearrozefeijão (nome emocional, um dia eu conto a história)